Auto-retrato de um decadente

António S. Oliveira

Black Sun Editores (1997)

Nota de edição: Tiragem de 350 exemplares

Raridade com assinatura e dedicatória do autor

€ 50,00

Enviar pedido para: shirin.gol.livros@gmail.com

Descobrir, aos dezoito anos, que tinha a alma do meu irmão. Era a sua imagem e semelhança. Eles desejavam ter uma filha. Eles queriam deixar raízes. Tornei-me no seu fruto proibido. Quem me comer será eterno. A estas horas da noite ainda não decidiram que nome dar-me. Sebastião? Fausto? Napoleão? Há dezoito anos que não sei o meu nome. (p. 14)

Anúncios